Aracaju (SE), 03 de março de 2021
POR: Prefeitura de Aracaju
Fonte: Prefeitura de Aracaju
Em: 21/01/2021 às 04h00
Pub.: 21 de janeiro de 2021

Prefeitura finaliza execução dos recursos da Lei Aldir Blanc destinados a Aracaju


A Prefeitura de Aracaju, por meio da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), finaliza nesta semana a execuação de, aproximadamente, R$4,6 milhões oriundos da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc. No total, 562 pessoas, entre artistas, técnicos e gestores, contemplados em quatro editais, receberam valores de até R$50 mil.


Prefeitura finaliza execução dos recursos da Lei Aldir Blanc destinados a Aracaju (Foto: Prefeitura de Aracaju)

Prefeitura finaliza execução dos recursos da Lei Aldir Blanc destinados a Aracaju (Foto: Prefeitura de Aracaju)


A lei foi implementada para fomentar a retomada da cadeia produtiva da cultura, fortemente impactada pela pandemia do novo coronavírus. Na esfera municipal, os recursos foram executados a partir de quatro editais.


Concebidos pela Funcaju, os editais possibilitaram a destinação de subsídio mensal para a manutenção de 129 espaços artísticos e culturais; o credenciamento de profissionais que compuseram as comissões de seleção das demais chamadas, os pareceristas; o credenciamento de técnicos em espetáculos de diversões para dar suporte à programação cultural do Município e para realização de atividades de formação e capacitação; e o “Janelas para as Artes”, que estabeleceu premiação nos segmentos Música; Audiovisual; Artes visuais; Economia criativa; Artes cênicas; Diversidade e culturas populares; Literatura; Quadrilhas juninas e brincantes da cultura popular tradicional.


Os pagamentos foram iniciados ainda em novembro do ano passado, a partir de um planejamento que viabilizou a agilidade dos repasses, compreendendo que os valores entregues têm sido determinantes para o sustento de diversos artistas, gestores e técnicos.


"Concluímos os pagamentos da Lei Aldir Blanc em Aracaju, mesmo com a grande quantidade de processos - cerca de 600. Agora, depois de cumprir a finalidade social da lei, vamos focar nas entregas para a sociedade, levando cultura e entretenimento para os verdadeiros financiadores da Lei", explica o presidente da Funcaju, Luciano Correia.


Após receber os auxílios, os participantes dão continuidade a seus projetos, tendo como possibilidade a execução de forma presencial, virtual ou híbrida. As produções finalizadas, em contrapartida, estão sendo oferecidas à população a partir de festivais e projetos realizados pela Funcaju.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação