Aracaju (SE), 21 de maio de 2022
POR: SSP/SE
Fonte: SSP/SE
Em: 12/05/2022 às 07h23
Atualizada: 12/05/2022 às 08h15
Pub.: 12 de maio de 2022

Operação Compartilhamento: Polícia Civil prende diretor de órgão público por pornografia infantil


Ação policial foi desencadeada com o objetivo de combater a pedofilia.


Operação Compartilhamento: Polícia Civil prende diretor de órgão público por pornografia infantil - Foto: SSP/SE

Operação Compartilhamento: Polícia Civil prende diretor de órgão público por pornografia infantil - Foto: SSP/SE


Foi deflagrada, na manhã desta quinta-feira (12), a Operação Compartilhamento, que resultou na prisão do diretor de um órgão público por posse de pornografia infantil em Aracaju. A ação policial está sendo realizada por equipes da Delegacia Especial de Atendimento à Criança e ao Adolescente Vítima (Deacav), com o apoio da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), unidades vinculadas ao Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV). A operação segue em andamento.


De acordo com a delegada Josefa Valéria, a informação foi compartilhada em uma investigação de Minas Gerais. “A investigação da polícia mineira identificou um investigado que foi preso naquele estado e chegou a outro membro do grupo aqui em Sergipe. Ele é servidor público e estava exercendo o cargo de diretor de um órgão público”, detalhou.


Conforme a delegada, foram solicitados os mandados de busca e apreensão na casa dele e no órgão público, que foram deferidos pela Justiça. “Na residência dele, nós apreendemos aparelhos telefônicos tablets e computadores. E já com o apoio do Instituto de Criminalística já identificamos imagens de vídeos pornográficos envolvendo crianças e adolescentes”, informou Josefa Valéria.


O diretor do Instituto de Criminalística, Luciano Homem, revelou que foram encontrados materiais relacionados à pornografia infantil no material apreendido na residência do investigado. “No local, todos os materiais foram devidamente apreendidos e examinados para poder consignar no laudo pericial o material encontrado e assim ser possível lavrar o flagrante pela autoridade policial. Encontramos mídias de DVD, CDs, HDs, quatro celulares e um tablet”, relatou.


Na residência do investigado, foram encontrados materiais entorpecentes, brinquedos e filmes infantis.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação