14 de novembro de 2019
POR: Governo de Sergipe
Fonte: Governo de Sergipe
Em: 14/11/2019 às 00h00

Governo e Ipea lançam aplicativo de alerta a inundações em Sergipe


O aplicativo de celular “Sai Poxim” irá possibilitar aos gestores públicos o aprimoramento na gestão dos Recursos Hídricos.


Governo e Ipea lançam aplicativo de alerta a inundações em Sergipe (Foto: Governo de Sergipe)

Governo e Ipea lançam aplicativo de alerta a inundações em Sergipe (Foto: Governo de Sergipe)

Com intuito de abrir novos caminhos, o Governo de Sergipe promoveu  na manhã desta quinta- feira, 14, o lançamento de um sistema inovador, capaz de monitorar as cheias em áreas  alagáveis e auxiliar na Gestão de Recursos Hídricos por meio do planejamento de estratégias. O aplicativo de celular “Sai Poxim”  apresentado no Seminário “Sistema de Previsão e Alerta de Inundações para a Bacia Hidrográfica do Rio Poxim”, que aconteceu no Auditório do NUPEC- Núcleo de Petróleo e Gás da Universidade Federal de Sergipe, discutiu também como o Estado pode aperfeiçoar seus estímulos às  ferramentas estaduais de Gestão de Recursos Hídricos no âmbito do Progestão. 


O Seminário, realizado por meio da Secretaria do Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (Sedurbs),   intermédio da Superintendência Especial do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SERHMA), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)  e a Agência Nacional de Águas (ANA), reuniu profissionais do Departamento da Defesa Civil, ANA, educadores, estudantes da Universidade Federal de Sergipe (UFS) entre outros. 


O superintendente Especial de Recursos Hídricos e Meio Ambiente, Ailton Rocha, frisou que a parceria entre os órgãos foi positiva, a medida que foram desenvolvidos mecanismos capazes de prever inundações e cheias na Bacia do Rio Poxim atingindo a cidade de Aracaju como também, os municípios de São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. “Conseguimos viabilizar um trabalho do bolsista, Erick de Lima Sebadelhe, especializado em Hidrologia e que desenvolveu uma tecnologia de monitoramento capaz de auxiliar na resolução de problemas como as inundações e cheias na Bacia do Rio Poxim. Como resultado, o pesquisador termina com dois produtos de largo alcance, onde os principais beneficiados serão cerca de 600 mil pessoas, dentre esses o que viveram episódios extremos de cheias”, explicou.  


O pesquisador associado ao Ipea, Erick de Lima Sebadelhe Valério, mentor do mecanismo tecnológico explicou como o produto é de funcionalidade pública. “O que buscamos é transmitir para o usuário um alerta de inundações na Bacia do Poxim. Nesse caso o principal interessado seria a Defesa Civil, pois ela quem atua nesses casos de situação de emergência e a funcionamento dele é relativamente simples. O gestor vai carregar a previsão com base na previsão de chuva e nível dos rios e a partir dessa previsão vai ser gerado um mapa que estará pré-carregado no aplicativo que gerará um alerta para o usuário”, explicou. 


Antônio Vanderlei, do Movimento Jabotiana Viva, esteve presente no Seminário e conta que o aplicativo traz uma democratização do problema em tempo real e torna possível para população compartilhar as ações para serem utilizadas no tempo oportuno. “Toda pesquisa que é feita sobre as inundações do nosso bairro Jabotiana nos interessa. Embora não sejamos técnicos, conversamos com a Superintendência de Recursos Hídricos para em um futuro próximo realizarmos um evento, com finalidade de que essas informações e avanços nas pesquisas acerca dessas ações sejam passados para associações e entidades”, enfatizou.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação