Aracaju (SE), 26 de julho de 2021
POR: Assessoria Goretti Reis
Fonte: Assessoria Goretti Reis
Em: 16/06/2021 às 13h25
Pub.: 17 de junho de 2021

Goretti Reis defende vagas para enfermagem forense em concurso público para cargos na Segurança Pública


Goretti Reis defende vagas para enfermagem forense em concurso público para cargos na Segurança Pública (Foto: Assessoria Goretti Reis)

Goretti Reis defende vagas para enfermagem forense em concurso público para cargos na Segurança Pública (Foto: Assessoria Goretti Reis)

A deputada estadual Goretti Reis (PSD) se pronunciou, na manhã dessa quarta-feira (16), durante mais uma Sessão Extraordinária Remota realizada pela Assembleia Legislativa de Sergipe para defender vagas, em concursos públicos, para profissionais da enfermagem forense. Uma luta antiga da categoria que tem preocupado a parlamentar. A Associação Brasileira da Enfermagem Forense, presidida pela competente enfermeira Zenaide Cavalcante e, composta por profissionais qualificados, com expertise na área e no hall para compor o quadro de funcionários da Corregedoria Geral de Perícia (Cogerp).


“Luta antiga. Zenaide é uma lutadora e com inúmeros projetos, participações em cursos e eventos, na tentativa de dar visibilidade ao importante trabalho desenvolvido pela enfermagem forense e o quanto podem agregar nas atividades desempenhadas pela Segurança Pública de Sergipe. Agradeço o entendimento da Casa em apoiar a inclusão de vagas para a categoria. O secretário da Segurança Pública, delegado João Eloy também se comprometeu em estudar minha solicitação, para que, ano que vem, possamos encaminhar um Projeto de Lei (PL) a esta Casa e quem sabe, a inclusão aconteça também para outros profissionais de relevância.  Defendo a necessidade de profissionais qualificados. Destaque, principalmente na área de atendimento à mulher, com casos de estupros, em que o próprio Instituto Médico Legal (IML) faz a abordagem e a análise. É importante se ter a enfermagem nesse momento por causa de seu olhar técnico para ajudar na coleta de evidências de provas, e de orientações para se punir os verdadeiros culpados e agressores que causam danos às mulheres, crianças, idosos e à sociedade como um todo”, explicou Goretti.


A parlamentar agradeceu o apoio do presidente da Casa, deputado Luciano Bispo, do líder do governo e do próprio governador, que ouviu sua reivindicação e a importância desses profissionais. Diante disso, Goretti acredita que as alterações na lei acontecerão, e quem sabe, já nos próximos concursos, as tão sonhadas vagas para os profissionais da enfermagem forense, estarão disponíveis.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação