Aracaju (SE), 19 de agosto de 2022
POR: Assessoria Seduc SE
Fonte: Assessoria Seduc SE
Em: 20/07/2022 às 00h00
Pub.: 20 de julho de 2022

Sergipanos conquistam ouro na Olimpíada de Astronomia e Astronáutica


Estudantes conquistaram medalha de ouro na Olimpíada - Foto: Divulgação

Estudantes conquistaram medalha de ouro na Olimpíada - Foto: Divulgação

Os estudantes Jeferson Gonzaga e Maria Izadóris conquistaram a medalha de ouro na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). Eles são alunos das unidades de ensino Tobias Barreto e Dom Luciano, respectivamente. Em 2022, a olimpíada premiou ainda estudantes do Centro Estadual de Educação Profissionalizante Ulysses Guimarães (Umbaúba); Centro de Excelência Leandro Maciel (Aracaju); Colégio Estadual Tobias Barreto (Aracaju); Centro de Excelência Dom Luciano José Cabral Duarte (Aracaju), dentre outras unidades escolares.


De acordo com o técnico do Serviço de Apoio ao Desenvolvimento Estudantil (Seades) da Seduc, Jorge Monteiro, a olimpíada figura como um recurso pedagógico. “Para nós, a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica é de extrema importância como recurso pedagógico e é um instrumento que, muito mais do que premiar os melhores estudantes, alcança o notável objetivo de cativar o interesse pelo estudo da ciência astronômica entre os jovens. Essa olimpíada envolve diversas áreas de conhecimento”, citou.


O professor Eliankir Santos Guimarães, que ministra aulas de Física, Laboratório e Estudo Orientado no Centro de Excelência Arquibaldo Mendonça (Indiaroba) foi responsável pela condução dos estudantes participantes da OBA dos municípios de Umbaúba e Indiaroba, efetivando a participação de 67 estudantes. Segundo ele, a preparação durou mais de dois meses, precisamente 75 dias, por meio de material didático, plataformas digitais e também de forma presencial.  “A prova foi realizada dia 20 de maio, mas antes ocorreu a I Feira de Lançamento de Foguetes, atividade associada à Olimpíada, que reuniu os alunos inscritos na OBA de quatro colégios: Arquibaldo Mendonça (Indiaroba), Joaldo Lima (Itabaianinha), Doutor Antônio Garcia Filho (Umbaúba) e Ulisses Guimarães (Umbaúba). Nesse evento os alunos poderiam participar de um simulado da prova da OBA e de um aulão tira dúvidas”, relatou.


Jeferson Gonzaga dos Santos Filho, estudante do Colégio Estadual Tobias Barreto, alcançou a medalha de ouro, momento de muita felicidade para ele, que é adepto a participar de várias olimpíadas. Com a conquista, agora ele se prepara para participar de novas etapas da OBA que dão a chance de levar estudantes para olimpíadas internacionais em países como México, Uruguai, Bolívia, Colômbia, Peru etc. “Estou muito feliz mesmo porque eu já tinha tentado a OBA e não tinha conseguido, mas dessa vez eu consegui. Eu tinha que acertar mais de 75% da prova para participar das seletivas que servem para indicar se estou apto ou não a continuar fazendo as provas para chegar às olimpíadas internacionais. Eu consegui acertar mais de 75% e farei parte de um pequeno grupo de alunos que podem ser convidados para as olimpíadas internacionais”, concluiu Jeferson Gonzaga.


Conquistaram medalhas de prata os estudantes do Centro de Excelência Dom Luciano José Cabral Duarte, Maycon Gabriel Loureiro Nascimento, Mikael Santos Pinheiro, Maria Clara Fernandes, Antônio Gustavo Machado Vieira e Cauã Santos Lima; e do Centro Estadual de Educação Profissionalizante Ulysses Guimarães: Michael Bryan e Yan Kayk da Cruz. Receberam a medalha de bronze do Centro Excelência Leandro Maciel o aluno Guilherme Souza Santos; e do Centro de Excelência Dom Luciano José Cabral Duarte os estudantes José Alves Pereira e Lucas Matheus de Jesus.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação