Aracaju (SE), 03 de dezembro de 2020
POR: Assessoria de Imprensa Unit
Fonte: Assessoria de Imprensa Unit
Em: 25/07/2020 às 07h15
Pub.: 27 de julho de 2020

Unit participa de projeto nacional sobre os impactos da pandemia da Covid-19


Pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Educação encabeçam iniciativa pioneira no Estado de Sergipe.


Unit participa de projeto nacional sobre os impactos da pandemia da Covid-19 (Imagem: Divulgação)

Unit participa de projeto nacional sobre os impactos da pandemia da Covid-19 (Imagem: Divulgação)


A pandemia do novo coronavírus fez a população se reinventar, trouxe novos cenários e muitas mudanças. A rotina em casa e com a família, o trabalho, o comportamento e a própria relação humana. O distanciamento social, imprescindível para evitar o contágio da Covid-19, transformou o cotidiano e a vida das pessoas.


Pensando nesta realidade e com o objetivo de constituir um acervo digital que possa subsidiar reflexões futuras sobre esta época histórica da humanidade, uma rede formada por instituições de ensino goianas, em parceria com instituições de diferentes unidades federativas do país, entre elas a Universidade Tiradentes, desenvolve o projeto de extensão “Arquipélago de memórias: pandemia e vida cotidiana de professores/profissionais da Educação, estudantes, pais/mães de alunos (famílias)”. 


O objetivo central do projeto é a produção de uma cápsula do tempo que conterá relatos da duração histórica presente que incidem sobre o eixo pandemia, vida cotidiana e educação. Com isso, professores, estudantes e familiares, em todo o Brasil, podem deixar um relato oral sobre as experiências vivenciadas, dificuldades e impressões em meio a esse cenário atual.


“É importante compreender o impacto da pandemia no cotidiano das pessoas. Uma percepção de como o cenário foi afetado nos mais diversos grupos sociais”, declara a professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Unit doutora Ester Fraga Vilas Boas. A docente é bolsista de produtividade em pesquisa 2 pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq.


As instituições parceiras da rede representam o projeto, além de incentivar e divulgar a iniciativa no âmbito institucional, local e regional, visando uma maior diversidade e captação de relatos orais, produzindo amostras representativas das memórias da pandemia com as diferentes unidades federativas do país. 


“Como bolsista de produtividade, desde 2012, integrando o grupo de liderança das pesquisas em Educação no país, a minha inserção e da Universidade Tiradentes nesta rede de investigação, formada por mais de 30 instituições, permite ampliar parcerias que produzirão análises sobre os impactos da pandemia nos processos de ensino e aprendizagem de cada estado brasileiro”, salienta Ester. 


Além da pesquisadora, o docente da instituição de ensino e coordenador do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas EaD da Unit, doutor Fábio Gomes, também participa do projeto.  


O acervo somente será aberto para eventuais intervenções analíticas, como teses, dissertações, entre outras, a partir do prazo mínimo de 48 meses, contados a partir do lançamento do projeto. 


Como participar
Para participar da projeto, os interessados terão acesso a três linhas telefônicas, uma para cada perfil destinatário: professores, estudantes, pais/mães de alunos (famílias). Ao clicar, o participante será direcionado a uma conversa do WhatsApp (que pode ser acessada pelo celular ou pelo WhatsApp Web) com uma mensagem pré-escrita. Além disso, receberá outra mensagem com observações sobre como enviar seu relato. Assim que o relato for enviado, será automaticamente salvo pela equipe. 


Os participantes devem informar nome, idade, sexo, estado civil, escolaridade, onde mora e suas histórias do dia a dia neste tempo de pandemia.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação