Aracaju (SE), 08 de agosto de 2020
POR: Site Georgeo Passos
Fonte: Site Georgeo Passos
Em: 09/07/2020 às 00h00
Pub.: 10 de julho de 2020

Georgeo Passos: "esperamos que a investigação sobre o Hospital de Campanha seja célere e que os eventuais culpados sejam punidos"


O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania), elogiou, na manhã desta quinta-feira (09), durante a sessão remota da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), a operação realizada em conjunto pela Polícia Federal, Ministério Público Federal e Controladoria Geral da União, que envolve investigações sobre o Hospital de Campanha de Aracaju.


Georgeo Passos: "esperamos que a investigação sobre o Hospital de Campanha seja célere e que os eventuais culpados sejam punidos" (Foto: Site Georgeo Passos)

Georgeo Passos: "esperamos que a investigação sobre o Hospital de Campanha seja célere e que os eventuais culpados sejam punidos" (Foto: Site Georgeo Passos)


O parlamentar afirma que o processo de construção do hospital realizado pela Prefeitura Municipal de Aracaju tem falhas graves que precisam ser apuradas. “Nós fizemos parte de um grupo que fiscalizou e denunciou com provas contundentes, as irregularidades da construção deste hospital. Fizemos uma representação junto ao MPF para que houvesse uma investigação rígida sobre as contratações realizadas para a execução daquela obra”.


Georgeo informa que o bloco, formado por parlamentares federais, estaduais e municipais, teve dificuldade para acessar todos os documentos das operações realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde. “Apesar da prefeitura dizer que a transparência funcionava, tivemos a comprovação contrária. Nós, não conseguimos por exemplo, ter acesso a vários documentos importantes”.


O deputado disse que espera que as investigações sejam céleres e que se houver culpados que esses sejam punidos. “A condução do processo de construção do hospital de campanha deixou várias dúvidas. Esperamos que as investigações sejam rápidas, não podemos ainda falar em culpados, mas caso seja descoberto algum, que seja feita a Justiça e que essas pessoas sejam punidas exemplarmente, afinal, é inconcebível maus feitos com o dinheiro da saúde, especialmente, neste momento que a Capital sergipana lidera o número de pessoas contaminadas e de óbitos pelo Coronavírus”.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação