17 de agosto de 2017
POR: ASN
Fonte: ASN
Em: 16/08/2017 às 16h53

Comerciantes na expectativa para entrega de reforma do Centro de Turismo


Orçada em R$ 1,345 milhão, a obra de recuperação do espaço é realizada com recursos do Prodetur e está prevista para ser entregue em outubro.


Reforma está orçada em R$ 1,34 milhão (Foto: Jorge Henrique/ASN)

Reforma está orçada em R$ 1,34 milhão (Foto: Jorge Henrique/ASN)


“Não vejo a hora de receber a minha lojinha totalmente reformada para atender melhor o turista que vem para Sergipe”, disse Cintia Andrade.   A comerciante é um dos 28 lojistas do Centro de Turismo, localizado no Centro Comercial de Aracaju, que aguarda a conclusão dos trabalhos de reforma.  Enquanto a obra é realizada pelo governo do Estado, os lojistas expõem as variedades do artesanato sergipano e dividem espaço com operários que recuperam o prédio, tombado pelo patrimônio histórico. Com orçamento de R$ 1,345 milhão, a obra de recuperação do espaço é realizada com recursos do Prodetur e está prevista para ser entregue em outubro.


Segundo o arquiteto e coordenador de infraestrutura do Prodetur, Rafael Corona, a obra está dentro do cronograma previsto. “A obra continua com as etapas previstas dentro do que foi planejado. Primeiramente, foram feitas as adequações de toda a lateral direita, compreendendo o tratamento do telhado, recuperação de piso, forro, parte elétrica, hidráulica e banheiros. Agora, estamos concluindo o lado esquerdo para finalizarmos com a parte da frente e fachada”, disse.


Corona acrescentou que as intervenções preservarão os elementos neoclássicos da estrutura e abrangem individualização das instalações elétricas, revisão da rede hidráulica, sistema contra incêndio e acessibilidade.  “As rampas de acessibilidade da área interna já foram feitas, assim como já foi iniciada a recuperação da parte da frente do prédio. Já começamos a fazer a recuperação de telhado e do piso. As maiores problemáticas foram encontradas na parte da cúpula. Tínhamos muitos problemas de vazamentos que estamos corrigindo. Além disso, mudamos a instalação elétrica que passará a ser individualizada para os lojistas e estamos dando uma atenção especial à acessibilidade”, explicou.


Benefícios 
Para Maria José da Silva, comerciante de bordados há quarenta anos, a reforma veio em boa hora. “É uma grande realização. Trabalho desde o inicio do Centro e aqui é a minha principal fonte de renda. Estou muito feliz porque sabemos que a reforma vai beneficiar bastante o comércio local. Com essa reforma, espero que as vendas aumentem. Um prédio tão bonito, que atrai tanto o turismo pela beleza histórica e agrega um artesanato de qualidade precisava de uma atenção especial”, disse a comerciante.


Gilda Gomes, comerciante também há 40 anos no Centro, explicou que a obra já era uma solicitação antiga dos lojistas. “Esse prédio é antigo. Já havia muito tempo sem reforma. Estávamos passando por muitas dificuldades, principalmente, porque havia muitos vazamentos e quando chovia molhava tudo. Tenho fé que as coisas irão melhorar”, ressaltou.


A turista Erlaine Fazenda veio com família do Rio Grand do Sul para conhecer as belezas de Sergipe. “É a primeira vez que venho até Aracaju e estou gostando muito. Acho ótimo que estão reformando o Centro. Na verdade, tudo que venha trazer benefício para nós turistas é motivo de muita satisfação”, relatou a turista.


Prodetur
O Programa de Desenvolvimento do Turismo é uma linha de crédito entre o governo do Estado e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no valor de U$ 100 milhões (mais de R$ 300 milhões) para o desenvolvimento do turismo em Sergipe, no âmbito do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur Nacional). Caberá ao BID o financiamento de U$ 60 milhões e o restante, U$ 40 milhões, será de contrapartida estadual.


O Prodetur tem como objetivo contribuir para o fortalecimento da política nacional de turismo e consolidar a gestão turística cooperativa e descentralizada, oportunizando um modelo de desenvolvimento turístico a partir do qual os investimentos dos governos estaduais e municipais respondam tanto às especificidades locais, quanto a uma visão integral do turismo no Brasil.


Entre as obras está a construção de dois atracadouros no povoado Caibrós e na Ilha Mem de Sá, em Itaporanga; investimentos na construção e recuperação de orlas e equipamentos turísticos, de patrimônios históricos, na qualificação da mão-de-obra, infraestrutura de apoio e fortalecimento institucional do turismo. Através desses recursos, estão previstas diversas obras como a nova Orla de Aracaju, a construção da Orla do povoado Pontal; a implantação de esgotamento e da orla do povoado Crasto, em Santa Luzia do Itanhi; a construção da orlinha do povoado Curralinho, em Poço Redondo; a reforma da Orla Pôr do Sol e adequação urbanística das praias do litoral sul em Aracaju, a construção do esgotamento sanitário do Povoado Saúde, em Santana do São Francisco entre outros investimentos que transformarão significativamente o setor econômico do turismo em Sergipe.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação