18 de julho de 2015
POR: Erenita Sousa - erenitasousa@hotmail.com
Fonte: Erenita Sousa

Profissão, aposentadoria e felicidade, como se encaixam? :: Por Erenita Sousa


Erenita Sousa(*)  erenitasousa@hotmail.com


Profissão, aposentadoria e  felicidade, como se encaixam?  ::  Por Erenita Sousa (Foto: Divulgação)

Profissão, aposentadoria e felicidade, como se encaixam? :: Por Erenita Sousa (Foto: Divulgação)


Quando iniciei a carreira profissional, era frequente me questionar sobre o mau humor das pessoas no seu trabalho. Naquela época, eu visitava muito o âmbito público, e dentro de mim soava a questão - O que leva a pessoa estar de mau humor, na maior parte do seu tempo, visto que tem um emprego com segurança, quando muitos desejariam estar neste lugar e não conseguem ou não podem?


Hoje, trabalhando com a metodologia do coaching, conhecendo mais profundamente sobre comportamento e o poder do pensamento, identifico que geralmente um número elevado de pessoas focam na área pública, elas geralmente condicionam mais na estabilidade e na segurança financeira do que na realização profissional com base naquilo que gosta de fazer ou que lhe dar prazer. Dessa forma, pensam que a segurança lhe trará felicidade plena. Daí o motivo incessante em passar num concurso público. No entanto, quando isso se realiza sua felicidade é momentânea, com o passar do tempo, o indivíduo inicia inconscientemente um novo processo de desmotivação. Por que isso acontece?


Tenho desenvolvido muitos processos nesse contexto, onde me motiva a falar sobre esse tema. Mediante, os depoimentos que ouço, percebo que o sonho de “ser estável”, muitas das vezes chega a excluir o sonho da realização profissional, no qual o indivíduo poderia utilizar seu talento como fonte motivadora para ser feliz, mas geralmente, isso não acontece... O que acontece é que muitos vão para a “zona do conforto”.


Desse modo, podemos perceber que após longos anos de estabilidade, o indivíduo descobre que precisa de um novo plano para ser feliz de verdade, então, ele deposita toda sua esperança na tão sonhada aposentadoria. Confesso que já vi e ouvi muitos servidores falando que quando se aposentar seus sonhos serão realizados, como se estivesse vivendo um momento difícil, aprisionado pelo seu trabalho, não lembrando ele que estaria vivendo o reflexo da própria escolha do passado. Daí, a contagem regressiva para aposentadoria é uma nova forma de vivenciar o tão esperado momento para receber sua carta de alforria. Ele diariamente conta os anos, os dias, as horas. Ele vive esperando o momento certo para ser feliz. E você, quanto tempo falta para ser feliz?


Não obstante, chega esse dia tão especial! Todavia, nesse momento tão importante e tão esperado, há aquele em que recusa a tão sonhada aposentadoria. Isso mesmo, uma das grandes desculpas que ouço, é que com a aposentadoria o financeiro será muito aquém do salário e que não terá como manter o padrão de vida conquistado, assim surgem muitas outras desculpas. No entanto, a grande verdade é que durante todo o tempo em que o indivíduo foi servidor público, esqueceu-se de fazer um planejamento de vida para a aposentadoria. Ele esqueceu que tinha vida além da estabilidade financeira onde o emprego lhe ofereceu durante longos anos. Portanto, muitos se perguntam “O que farei agora? Como serão meus dias sem essa rotina?”.


Eu te convido a fazer mais uma reflexão, o que você tem para oferecer ao mundo? Independente de ser servidor público ou não, aprenda a viver e se realizar no momento presente. Busque refletir sobre a sua felicidade atual. Planejar o futuro é de grande importância para uma aposentadoria e viver com qualidade de vida. Coloco-me à disposição para conversarmos mais sobre esse assunto, caso você tenha interesse.


Erenita Sousa - erenitasousa@hotmail.com


(*)Master Coach com formação em Psicologia Positiva com mais de 800 horas em atendimentos de coaching. Analista de Perfil Comportamental. Mestre em Terapia Reiki. Professora Universitária. Palestrante. Experiente em desenvolvimento humano e organizacional há mais de 10 anos. Especialista em Controladoria e Auditoria. Profissional do ramo de Contabilidade há 23 anos. Diretora do INTC – Instituto Nacional de Desenvolvimento Comportamental. Coautora do livro: Coaching – Grandes mestres ensinam como estabelecer e alcançar resultados extraordinários na sua vida pessoal e profissional e coautora do Seminário de Liderança Coaching Psicopositiva.


contato@intccoaching.com.br  erenitasousa@hotmail.com  Fanpage no facebook: INTC


Confira AQUI mais artigos de Erenita Sousa


 

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Fale Conosco