Aracaju (SE), 11 de julho de 2020
POR: Agência Senado
Fonte: Agência Senado
Em: 28/04/2020 às 08h50
Pub.: 29 de abril de 2020

Cancelamento da fusão da Embraer com a Boeing repercute no Senado


Anunciada no último sábado (25), a desistência da empresa de aviação norte-americana Boeing de prosseguir com a aquisição da parte aviação comercial da Embraer, um negócio avaliado em US$ 4,2 bilhões (cerca de R$ 24 bilhões no câmbio atual), chegou em meio à paralisação do setor aéreo provocada pela pandemia do coronavírus. A transação gerou polêmica no Congresso Nacional desde quando foi comunicada, em julho de 2018. O senador Jean Paul Prates (PT–RN) criticou a fusão desde o início, por questão de soberania nacional. Para o senador Carlos Viana (PSD–MG), é preciso pensar nos benefícios dessas parcerias estratégicas para o futuro do país. Mais informações com a repórter Raquel Teixeira, da Rádio Senado.


Confira matéria completa em Agência Senado

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação