16 de abril de 2015
POR: Victor Hugo de Souza Oliveira
Fonte: Ascom Sebrae

Palestra trata de avanços no turismo sergipano


Palestra trata de avanços no turismo sergipano (Foto: Alfredo Moreira)

Palestra trata de avanços no turismo sergipano (Foto: Alfredo Moreira)

Avançar na gestão de Micro e Pequenas Empresas do turismo brasileiro. Com este objetivo, a Confederação Nacional do Turismo (CNTur) e o Sebrae promoveram a primeira parte da palestra “Chaves para uma gestão eficaz”, na noite desta quarta-feira, 15, na sede do Sebrae, em Sergipe. 


O evento reuniu entidades do trade turístico do Estado, com foco nas Micro e Pequenas Empresas (MPE’s) do segmento de agências de viagens, bares e restaurante, bem como de meios de hospedagem. Através de uma metodologia interativa, a palestra tratou de informações relevantes sobre inovação, sustentabilidade e boas práticas de gestão direcionadas ao setor. 


A palestra inaugural faz parte do projeto “Avançando na Gestão de Micro e Pequenas Empresas do Turismo Brasileiro”, encabeçada pela CNTur, e aplicada por todo o Brasil. Em Sergipe, as atividades desta iniciativa seguem além da palestra e terá programação até setembro deste ano. 


Segundo a consultora organizacional em gestão de pessoas, Ângela Ribeiro Saldanha, palestrante do evento, é fundamental o aproveitamento do potencial turístico brasileiro, por meio de oferecimento inteligente de novos produtos e serviços no setor turístico.


“Mas antes de qualquer investimento é preciso que o prestador de serviço conheça profundamente sua área de atuação, neste caso o turismo, para que o feedback com o cliente seja seguro e satisfatório. Um exemplo disso é saber o que diz o Código do Consumidor, para desenvolver melhor a equipe e oferecer uma gestão de qualidade”, explica a consultora.


Avaliação diagnóstica


Ao longo da palestra foi aplicada uma avaliação diagnóstica preliminar para os participantes, com o intuito de identificar o perfil e as necessidades de cada segmento para, posteriormente, compor uma série de soluções de gestão empresarial. 


A ampliação em 10% do faturamento médio das empresas durante a execução do projeto; e melhorias no padrão de gestão com base no questionário do Prêmio MPE Brasil são alguns dos resultados esperados ao final de todo ciclo de atividades.


“O Sebrae já atua diretamente com as micro e pequenas empresas do setor turístico do Estado e acredita nas oportunidades geradas neste segmento. Somos parceiros deste projeto do CNTur para ajudar, de forma integrada e dinâmica, nas melhorias desta área tão promissora”, afirma Bianca Esperidião, gestora de Turismo, do Sebrae em Sergipe.


O presidente do Conselho das Entidades Estaduais de Turismo da CNTur em Sergipe (ConCNTur/SE), João de Souza Ávila, esteve no evento e enfatizou a importância de entidades como o Sebrae, o Sindetur, e o CNTur estarem em sintonia para o alcance dos objetivos do projeto, no Estado.


“A palestra de hoje e o projeto, de modo mais amplo, vieram para que as pessoas criem oportunidades de aumentar o seu negócio, trazendo soluções para melhorias. A CNTur e o Sebrae se sentem gratificados, pois certamente, ao final dos trabalhos, as empresas participantes sairão muito mais qualificadas para o desenvolvimento do turismo sergipano e brasileiro”, observa João Ávila. 


Além da ConCNTur/SE e de empresários do setor, o evento também contou a presença do presidente do Sindicato das Empresas de Turismo de Sergipe (Sindetur), Ravison Silva de Souza.  

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação