Aracaju (SE), 24 de setembro de 2020
POR: SES/SE
Fonte: SES/SE
Em: 14/08/2020 às 11h06
Pub.: 14 de agosto de 2020

Útero bicorno pode ocasionar nascimento prematuro de bebê


A Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL), referência em atendimentos de alta complexidade, recebe o maior número de prematuros do Estado, e  a causa dessa prematuridade pode estar relacionada a diversos fatores. Uma deles é o útero bicorno  ou bicorne, uma anomalia em que o útero apresenta um formato de pera.  A médica residente Vivian Roberta Santos fala sobre o assunto.


Útero bicorno pode ocasionar nascimento prematuro de bebê (Foto: SES/SE)

Útero bicorno pode ocasionar nascimento prematuro de bebê (Foto: SES/SE)


Ela explicou que o útero bicorno é como se fosse uma variação de anatomia, sendo bem raro e a partir do mesmo colo o corpo do útero se bifurca, desenvolvendo-se mais que o outro. “Por ter engravidado no corpo menor algumas  pacientes  ficam internadas para não correr o risco de romper o útero. Todas as mulheres com útero bicorno têm uma vida sexual normal e  muitas apresentam também gravidez e partos sem problemas, mas em alguns casos a má formação no útero pode causar nascimento prematuro do bebê.


A gestante Andrea dos Santos Barbosa, internada na Ala Rosa da MNSL, há 16 dias, é um desses casos. Ela engravidou quando menos esperava, em momento de dor, quando perdeu sua mãe, a vida reservou essa surpresa: grávida aos 41 anos . “Vim ter a bebê tarde porque tinha uma mãe que dependia de mim, então achei melhor dedicar minha vida a ela, e quando minha mãe faleceu, logo  fiquei grávida e essa gestação veio em um momento que eu não esperava, foi um presente para mim”, disse Andrea.


Andrea disse que hoje seu bebê se encontra no menor lado do útero porque como seu útero é bicorno e é como se estivesse dividido em dois. Meu bebê está na parte menor e cada vez que vai crescendo, o útero vai ficando pequeno para ele. A médica já conversou comigo de que o parto vai ser prematuro, mas estão segurando um pouquinho para o bebê amadurecer mais e não precisar ficar tanto tempo na UTI Neonatal”, observou Andrea.


Sinais e sintomas
A médica observou que geralmente, o útero bicorno não apresenta sintomas, sendo muitas vezes descoberto apenas durante uma ultrassonografia, já na idade adulta.. “As pessoas com útero bicorno já nascem com este problema porque a malformação ocorre ainda durante a gestação. Não se sabe ao certo porque essa anomalia acontece, mas pensa-se que é uma doença  que é variação anatômica por variabilidade genética “disse Vivian.


Andreia elogiou o atendimento da Lourdinha e disse que por ser uma maternidade de alto risco, ela não imaginava que haveria esse lado humanitário. “Tive acolhimento com psicólogos, e há uma boa equipe multidisciplinar que oferece um atendimento bem acolhedor. Os profissionais conversaram muito comigo e me fizeram sentir mais forte e com mais coragem de lutar pelo meu bebê e ver que eu não estou só. No momento estamos sem receber visitas por causa dessa pandemia mas graças a Deus a gente tem o celular e a gente tem esse apoio a distância”, concluiu a gestante.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação