06 de setembro de 2019
POR: SES/SE
Fonte: SES/SE
Em: 06/09/2019 às 14h25

Almir Santana destaca importância da saúde sexual


O dia é sexta-feira, 6, o mês é setembro, 9, e os números não são por acaso. A data foi escolhida por uma empresa fabricante de preservativos para uma campanha de marketing, e o ‘69’ é atribuído a uma das posições sexuais mais famosas entre parceiros que praticam o sexo oral. Por isso, aproveitando este momento de comemoração que entrou para o imaginário popular como o Dia do Sexo, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência do Programa IST/Aids, traz alertas sobre a prática do sexo saudável, com conselhos e dicas importantes.


Almir Santana destaca importância da saúde sexual (Foto: SES/SE)

Almir Santana destaca importância da saúde sexual (Foto: SES/SE)


Conforme comentou o médico sanitarista e gerente do Programa IST/Aids da SES, Almir Santana, é preciso aproveitar a data, que se popularizou no Brasil, para divulgar a importância da saúde sexual, que é a prática de uma sexualidade saudável, sem preconceitos, sem discriminação e sem causar danos, nem a própria pessoa nem ao parceiro ou à parceira.


“São inúmeras as infecções sexualmente transmissíveis e a gente destaca o HIV, a Sífilis, a Hepatite e a Gonorreia. As pessoas precisam saber, também, que uma relação sexual sem preservativo pode aumentar o risco de câncer, como o de colo de útero e lembrar a questão da higiene. Um fator que aumenta a ocorrência do câncer de pênis é a falta de higiene. Outro aspecto negativo em uma relação sexual, por exemplo, é a violência sexual que traz impactos não só físicos, porque ela aumenta o risco de contrair uma IST, mas provoca trauma mental. Uma relação sexual forçada é um crime”, enfatizou Almir.


O médico comentou também que é importante levar em consideração às questões culturais. “Sexualidade é cultura, envolve até religião, e a gente tem que respeitar a orientação sexual de cada um, a identidade sexual de cada um. Nós profissionais de saúde temos que ter esse respeito com as pessoas. Então, o mais importante para o dia de hoje é alertar sobre isso: que as pessoas pratiquem uma sexualidade saudável e o ato sexual faz bem à saúde desde que ele seja protegido, e desde que não seja forçado”, concluiu Almir.


Sexo saudável
– Alivia a insônia e as enxaquecas
– Aumenta a imunidade
– Queima calorias
– Diminui o estresse
– Melhora a Autoestima
– Diminui as dores do corpo
– Melhora a saúde cardíaca


Malefícios do Sexo
– Quando praticado sem vontade ou sem preservativos
– Violência Sexual
– Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST)
– Câncer

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação