Aracaju (SE), 07 de março de 2021
POR: Marcio Rocha
Fonte: Marcio Rocha
Em: 20/02/2021 às 08h00
Pub.: 19 de fevereiro de 2021

O sucesso esperado do Pix e suas próximas funções :: Por Marcio Rocha


Márcio Rocha (Foto: Arquivo Pessoal)

Márcio Rocha (Foto: Arquivo Pessoal)

Que o Pix, sistema de pagamentos desenvolvido pelo Banco Central é um grande sucesso, não existe nenhuma dúvida. O sistema promove a instantaneidade que os consumidores precisavam para realizar pagamentos, transferências e migrações de recursos entre contas, que nas modalidades disponíveis antes de sua chegada, custam valores variados para a execução de cada operação, a exemplo de um TED ou DOC, que tem em média o valor de R$ 10 e às vezes demorava até 24 horas para sua confirmação. O Pix acabou com isso e em segundos, pagamentos e transferências podem ser executados a custo zero. Esse se tornou um dos maiores avanços do sistema bancário mundial. A bem da verdade, temos um sistema bancário que é eficiente, a regulação do Banco Central funciona muito bem. E isso aliado aos parques tecnológicos dos bancos nacionais, que são altamente avançados, caiu como uma luva para trazer mais eficiência, agilidade e comodidade para o consumidor. Mas o Pix deverá avançar em breve com novos produtos em seu bojo.


De acordo com informações do Banco Central, nos próximos meses, o sistema de pagamentos receberá a inclusão de outros serviços que serão disponibilizados para todos os correntistas bancários do Brasil. A movimentação de conta-salário passará a ser permitida com operações realizadas através do Pix; outro serviço interessante é o “Saque Pix”, que trará mais conveniência para os consumidores a efetuarem saques de suas contas através do sistema; o mecanismo de devolução de recursos, uma ferramenta importante a ser colocada no serviço. O maior medo do brasileiro é ser vítima de golpes, e a cabeça da bandidagem não para de pensar em maneiras de surrupiar dinheiro das pessoas. Com o Pix não está sendo diferente, casos de estelionato estão sendo notificados em todo o país, e com a oportunidade de o pagador requerer a devolução do dinheiro utilizado por engano ou em um golpe sofrido, promove mais segurança para o uso do aplicativo, também dando a oportunidade de recuperar créditos feitos de forma indevida. 


O serviço também irá incorporar um recurso que já existe nos cartões de crédito e carteiras digitais, o pagamento por aproximação. Como nossos telefones celulares dispõem de diversos recursos, aplicativos de pagamento não poderiam deixar de fazer parte disso. E com esse serviço, a necessidade de ter esse tipo de mecanismo passará a ser pouco necessária. E até mesmo serviços de compras à crédito, deverão ser adicionados ao sistema nos próximos meses. O Pix Garantido será uma maneira de promover parcelamento de transações, o que facilitará muito as compras a prazo para o consumidor, que também deverá conter um método de pagamentos por débito automático. Tudo isso disponível no aplicativo do seu banco.


O Pix é quase uma unanimidade para a população. Segundo uma pesquisa da FGV, 94% das pessoas estão satisfeitas com o serviço e 80% confiam em sua segurança para as transações. O grande avanço promovido pelo Pix no Brasil, cada vez mais nos aproxima de ter uma capacidade de gerenciamento de recursos, a ponto de nos tornar cada vez mais menos dependentes do dinheiro físico.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação