23 de março de 2020
POR: Marcio Rocha
Fonte: Marcio Rocha
Em: 19/03/2020 às 15h09

Não deixe o coronavírus acabar com o emprego :: Por Marcio Rocha


Marcio Rocha (Foto: Arquivo pessoal)

Marcio Rocha (Foto: Arquivo pessoal)

No momento em que a pandemia do coronavírus aterroriza nossa população, medidas importantes devem ser tomadas para preservar nossa economia. O momento é de cautela no que diz respeito ao contato com as pessoas, verdade. Entretanto, não podemos correr o risco de prejudicar a cadeia produtiva, no que diz respeito ao mais importante dos fatores de produção: a força de trabalho. Preservar os empregos é o fundamental no momento de crise, para que possamos alimentar a economia do estado e garantir que a população possa passar por esse problema do melhor modo possível.


As orientações de evitar contato, manter uma distância segura para evitar o contágio com a doença, são fundamentais e devem ser cumpridas. Entretanto, não podemos parar de movimentar o comércio nesse período. É natural que as vendas caiam, pois devemos evitar ao máximo saídas para locais que possam promover a aglomeração de pessoas. Assim com não precisamos correr desesperados para supermercados e lojas para fazer compras para estocar. Não há risco de desabastecimento do varejo, as empresas do comércio atacadista estão preparadas para enfrentar a crise e não repetir o que aconteceu com o episódio da greve dos caminhoneiros. Todos os municípios terão suas lojas abastecidas do modo adequado para que não haja escassez de mercadorias, o que traz segurança para a população não criar um clima de histeria e concentrar compras como se estivéssemos enfrentando uma guerra. Nada de pânico nesse momento. Obviamente, teremos que reduzir as idas ao comércio, mas não precisamos ficar na completa ausência de compras. 


Se as pessoas pararem de ir às compras no comércio, as lojas que são em sua grande maioria micro e pequenas empresas irão sentir de modo muito forte a baixa no faturamento e isso prejudicará a circulação de receita, impedindo que os salários dos trabalhadores sejam pagos. Isso sim será o pior da crise, se as pessoas não consumirem. Com a ausência de consumo, os empregos irão reduzir e a circulação de riquezas nas famílias será menor, o que trará impactos severos em toda a cadeia produtiva. O momento é de todos nos ajudarmos, não abandonando as compras, não abandonando o comércio, não abandonando uns aos outros. Até porque todos fazemos parte do ciclo econômico, se eu deixo de ir ao comércio, o trabalhador deixa de consumir em outros estabelecimentos e isso prejudica o fluxo econômico como um todo. Não deixe o coronavírus acabar com o emprego!


Agora é a hora da união contra o coronavírus no combate à transmissão da doença, mas de combater os danos que o vírus pode provocar em toda a sociedade. Precisamos preservar nossas vidas, mas também é necessário que mantenhamos o funcionamento da economia dentro do possível. E o momento é de comprar no pequeno varejo, na loja do seu bairro, no mercadinho da esquina, da mercearia do Zé, na farmácia da rede SergiFar, que está sempre próxima a você e é sergipana, nas lojas do Centro de Aracaju, nas lojas que precisam mais do seu apoio. As grandes redes que me perdoem, mas lojas grandes têm acionistas, corporações e conglomerados financeiros que suportam a redução nas vendas. Os pequenos não. Os pequenos negócios são responsáveis por nove em cada dez empregos do estado e são necessários para a manutenção da economia de Sergipe. Vamos manter nossa saúde evitando o coronavírus, mas é muito importante que mantenhamos a saúde da economia de nosso estado nesse momento severo. 


Tome as precauções necessárias para se manter seguro, siga as orientações das autoridades competentes, use a compra na modalidade online, serviços de entrega, entre todas as comodidades que a tecnologia nos disponibiliza para que não precisemos sair às ruas para as compras. Compre o que for preciso, mas não abandone o comércio. Evite comprar por impulso, não faça compras desnecessárias e mantenha-se seguro diante do que está acontecendo. Preservar a vida é fundamental nessa hora em que todos, sem exceção corremos risco. Nos protegendo e protegendo nossa economia, juntos seremos mais fortes que o vírus e a crise.


É hora de descomplicar a economia, para que você entenda o porquê da importância de comprar no pequeno varejo, na pequena empresa. Assim você vai descomplicar a economia para si mesmo e para todas as pessoas. Preserve nossa saúde!

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação