13 de agosto de 2019
POR: Assessoria Lucas Aribé
Fonte: Assessoria Lucas Aribé/ Via CMA
Em: 13/08/2019 às 16h12
Atualizada: 13/08/2019 às 16h12

Lucas Aribé critica terceirização da Saúde em Aracaju


O vereador Lucas Aribé (PSB), líder da oposição na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), utilizou a Tribuna nesta terça-feira, 13, para questionar a atual situação da Saúde na capital sergipana. Além da falta de estrutura, o parlamentar chamou atenção para a escassez de profissionais devido à forma de contratação da Prefeitura de Aracaju.


Lucas Aribé critica terceirização da Saúde em Aracaju (Foto: César de Oliveira/ CMA)

Lucas Aribé critica terceirização da Saúde em Aracaju (Foto: César de Oliveira/ CMA)


“Enquanto se propaga a reforma de postos de saúde, a melhoria da infraestrutura desses espaços e o pagamento dos salários em dia, como se fossem fatos inéditos da gestão, que está apenas cumprindo seu papel constitucional, o que está acontecendo é que a população está cada vez mais desassistida”, afirmou o vereador. 


Lucas criticou a terceirização, antes condenada pela atual gestão da Prefeitura, que agora é posta em prática. Exemplo disso, segundo ele, são as medidas adotadas pela administração municipal, ao mudar a forma de contratação dos profissionais da Saúde para pessoa jurídica. 


“A Saúde continua não sendo tratada como prioridade, não estão investindo na valorização do profissional de Saúde. Estamos vendo profissionais desistindo de atuar no poder público por causa das decisões da administração. Pessoa jurídica, para quem for assumir, significa mais imposto. Os profissionais não estão se sentindo atraídos a ingressar na rede pública e as consequências já estão vindo”, alertou.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação