23 de abril de 2019
POR: Andrea Lima
Fonte: Assessoria Emília Corrêa
Em: 23/04/2019 às 16h37

"Se a Câmara está nessa desordem, a culpa é de quem conduz a Casa", dispara Emília Corrêa


"Se a Câmara está nessa desordem, a culpa é de quem conduz a Casa", dispara Emília Corrêa (Foto: Gilton Rosas)

"Se a Câmara está nessa desordem, a culpa é de quem conduz a Casa", dispara Emília Corrêa (Foto: Gilton Rosas)

Mais uma vez a rotatividade da presidência durante a condução dos trabalhos legislativos na Câmara de Vereadores foi questionada pela vereadora Emília Corrêa na Tribuna do Legislativo Municipal.


“Quem conduz a Casa é quem dá o ritmo. Por exemplo, muitas vezes, em um Tribunal do Júri, se o presidente não tiver pulso, o Júri vira baderna, da mesma forma acontece aqui no parlamento”, pontuou a vereadora.


De acordo com Emília Corrêa, o motivo da reclamação se deu porque a “troca” de presidente tem ocorrido com certa frequência durante a condução dos trabalhos legislativos na Câmara de Vereadores. “Nesta Casa temos um presidente sentado à mesa a cada 15min. Muitas vezes a Mesa Diretora não está presente e acontece essa rotatividade. Compreendo que todos nós temos outras tarefas, que o presidente Nitinho Vitale (PSD) tem outras demandas para administrar, mas a hora da Sessão Ordinária deveria ser sagrada. É por isso que as coisas estão correndo soltas e não estamos sendo nem mais respeitados neste parlamento. Eu mesma já sofri muitas agressões sérias e não houve nenhuma atitude por parte da Casa”, argumentou.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação