15 de abril de 2019
POR: Mozzarth Almeida
Fonte: Câmara de Propriá/SE
Em: 12/04/2019 às 08h56
Atualizada: 12/04/2019 às 08h56

Presidente da Câmara de Propriá cobra nomeação de novo Diretor Técnico para Hospital Regional


Segundo o parlamentar, é inadmissível que essa situação persista, já são mais de três meses que a unidade está funcionando sem Diretor Técnico e nada é feito para solucionar o problema.


Presidente da Câmara de Propriá, Aelson Publicidade (Foto: Via Câmara de Propriá/SE)

Presidente da Câmara de Propriá, Aelson Publicidade (Foto: Via Câmara de Propriá/SE)


Na sessão ordinária realizada na última quinta-feira, 11, o Presidente da Câmara De Propriá, Aelson Publicidade (PSD), cobrou ao Governador do Estado, Belivaldo Chagas (PSD) a nomeação de um novo diretor técnico para o Hospital Regional de Propriá. “É um absurdo, considerando o fato de que a ausência de um diretor técnico numa unidade hospitalar prejudica todo o atendimento a população”, complementou Aelson.   


A reclamação foi realizada no Grande Expediente da Casa Legislativa, segundo o parlamentar, “é inadmissível que essa situação persista, já são mais de três meses que a unidade está funcionando sem Diretor Técnico, e nada se faz para resolver o problema”, completou. Aelson aproveitou o ensejo e fez denuncias que há profissionais na unidade de saúde que recebem sem trabalhar, com remunerações altíssimos, fato que não condiz com a produtividade dos mesmos, devendo ser tomada providências.  


Aelson preferiu endereçar as criticas diretamente ao Governador do Estado e eximiu de críticas à atuação do Secretário de Estado da Saúde, Dr. Valberto Lima, no caso. “Acredito e confio no compromisso do Secretário de Saúde, ele é preparado e tem a confiança do governador. Mas precisamos tomar uma definição definitiva sobre a forma como o Hospital vem sendo administrado, e aqui não se trata de uma critica de natureza politica, estou falando de gestão. Por isso faço meu apelo ao Governador Belivaldo Chagas nessa questão”, finalizou.  


De acordo com o Conselho Federal de Medicina (CFM), é atribuído ao cargo de Diretor Técnico as tarefas relativas à qualidade da assistência, como a de dirigir e coordenar o corpo clínico da instituição, supervisionando a assistência aos doentes e zelando também pelo cumprimento do regimento interno e demais normas balizadoras da boa prática médica. É sua obrigação garantir o fluxo de informações sobre os pacientes internados entre os diferentes plantonistas, bem como assegurar a disponibilidade de insumos e medicamentos essenciais para diagnóstico e tratamento das doenças, além de garantir que todos os doentes internados tenham seu médico assistente.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Fale Conosco