17 de Julho de 2017
POR: Edjane Oliveira
Fonte: ASCOM DEP JOÃO DANIEL
Em: 15/07/2017 às 10h42

Integrantes da FBP Poço Redondo apresentam propostas para o desenvolvimento do município em seminário proposto por João Daniel


Integrantes da FBP Poço Redondo apresentam propostas para o desenvolvimento do município em seminário proposto por João Daniel (Foto: ASCOM DEP JOÃO DANIEL)

Integrantes da FBP Poço Redondo apresentam propostas para o desenvolvimento do município em seminário proposto por João Daniel (Foto: ASCOM DEP JOÃO DANIEL)

Uma extensa pauta foi apresentada pelas entidades que compõem a Frente Brasil Popular de Poço Redondo, durante seminário realizado no município, na manhã dessa sexta-feira, dia 14. O evento foi proposto pelo deputado federal João Daniel (PT), mediante solicitação da FBP, e realizado através da Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia (Cindra), da Câmara dos Deputados. O auditório do Teatro Raízes Nordestinas, onde o evento foi realizado, ficou lotado por representantes de movimentos sociais, associações e moradores do município que foram participar do debate, que teve na abertura a apresentação dos jovens do Grupo de Teatro Raízes Nordestinas e militância do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA).


A pauta apresentada durante o seminário, entre seus pontos, reivindica providências que dizem respeito às áreas de desenvolvimento social, agricultura, segurança hídrica, pesquisa, educação, reforma agrária, meio ambiente, cultura, segurança pública, infraestrutura e aos bancos. Além da leitura com a apresentação de cada um dos pontos, os participantes também puderam detalhar alguns deles de forma mais específica.


Entre as principais reivindicações, reclamações quanto à distribuição de sementes, relacionadas à água, tanto no que se refere ao fornecimento, problemas no armazenamento quando há muita chuva e multas aplicadas pela Deso aos usuários, a necessidade de ações efetivas para a convivência com o semiárido, dificuldades causadas pela falta de estradas de acesso aos assentamentos, necessidade de valorização das políticas de enfrentamento à violência contra a mulher, carência de policiamento para enfrentar o aumento nos assaltos que têm acontecido no município e o retorno do Programa do Leite. Os pequenos agricultores e assentados da reforma agrária também relataram dificuldades que têm encontrado relacionadas à lei 13.340/16, quando procuram os bancos oficiais para renegociar ou quitar as dívidas rurais.


Na pauta
Especificamente relacionado à agricultura, os participantes reivindicaram um programa de estruturação produtiva e hídrica na perspectiva da transição agroecológica e de convivência com o semiárido para comunidades camponesas e assentamentos de reforma agrária e também a criação de bancos de sementes em áreas irrigadas para assegurar multiplicação e distribuição de sementes de milho e feijão na região. Outras importantes reivindicações relacionadas ao desenvolvimento social foram a implantação de programas de geração de renda para a juventude e mulheres; também do cartão para o pequeno agricultor e assentados para assegurar aração de terra no período de inverno; compra e distribuição de sementes adequadas a realidade camponesa com distribuição no período certo para assegurar a produção; liberação dos tratores das associações Nossa Senhora da Conceição, Queimadas e Assentamento Novo Sonho; além de um programa de apoio e fomento aos pescadores artesanais.


Também foi reivindicada a construção de grandes açudes nas regiões do município; ampliação das redes de abastecimento nas cidades e assentamentos; e a implementação de um programa de negociação das dívidas da Deso. Após a exposição de toda pauta, os representantes dos órgãos públicos se manifestaram, apresentando o que já vem sendo realizado e falando os encaminhamentos possíveis para que as demandas postas sejam atendidas.


O representante do MST e integrante da FBP no município, Roberto Araújo, disse que a partir de tudo que foi debatido durante o seminário será discutido numa nova reunião da Frente, para avaliar que encaminhamentos serão dados. Ele ressaltou que o objetivo é estar sempre, paralelo à luta da FBP em defesa da democracia no país, buscando o desenvolvimento do município, a partir das demandas coletivas.


O deputado João Daniel parabenizou todos os moradores de Poço Redondo que participaram do seminário e ressaltou que é muito importante a comunidade organizada se reunir para apresentar as demandas e, esse evento, com a participação dos representantes dos órgãos públicos e bancos, foi uma oportunidade de haver esse diálogo com encaminhamento de soluções para os principais problemas enfrentados pela comunidade. “Estamos aqui para ouvir e ao final dar os encaminhamentos que forem possíveis diretamente com os responsáveis. A existência da Frente Brasil Popular aqui em Poço Redondo é muito importante, pois juntos podemos construir essas lutas. Não são só cobranças, mas o objetivo é encaminhar projetos que levem ao desenvolvimento desse município. Queremos manter a ideia de que sem planejamento e organização não há solução, como não houve em lugar nenhum no mundo”, ressaltou o parlamentar.


Entre os participantes do seminário estiveram o secretário de Estado do Meio Ambiente, Olivier Chagas; o diretor técnico da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário (Emdagro), Gismário Nobre, que representou também o secretário de Estado da Agricultura, Esmeraldo Leal; Marcos Paulo Carvalho Lima, representando a Secretaria de Estado da Cultura; o superintendente do Ibama, Manoel Rezende; Orlando Oliveira, representando a Codevasf; a representante da Adema, Leilane Carneiro Cunha; Volnandy Brito, representando o Banco do Nordeste, acompanhado da gerente da agência de Nossa Senhora da Glória, Norma Cordeiro; Lucivaldo de Jesus Oliveira, representando o Banco do Brasil; Paulo Melo Barreto, representando o Banese; além de representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Movimento Quilombola, Articulação Semiárido Brasileiro (ASA), Feacom, vereadores e outras lideranças locais e da região.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Fale Conosco