10 de julho de 2018
POR: PMA
Fonte: PMA
Em: 09/07/2018 às 16h29

Dami Dória abre segunda temporada do Quinta Instrumental 2018


Retomando as atividades de valorização cultural da música instrumental, a segunda temporada do projeto ‘Quinta Instrumental’ inicia neste dia 12, com a apresentação do músico e compositor da música aracajuana, Dami Dória. O evento, promovido pela Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), tem a finalidade de fomentar e valorizar os artistas instrumentistas. A apresentação acontece gratuitamente, a partir das 20h, no Teatro João Costa do Centro Cultural da capital.


Dami Dória abre segunda temporada do Quinta Instrumental 2018 (Imagem: Divulgação)

Dami Dória abre segunda temporada do Quinta Instrumental 2018 (Imagem: Divulgação)


Dami Dória é um músico e compositor que desenvolve um projeto autoral e prioritariamente instrumental, enraizado na tradição da música instrumental brasileira. Essa é a primeira vez que ele participa no projeto, apesar de frequentar como espectador desde a criação do projeto. De acordo com Dami, o evento proporciona um espaço de visibilidade e fortalecimento da música instrumental para toda a comunidade cultural e artística.  


“O Quinta Instrumental é um projeto de maior importância da música sergipana. O instrumental é um gênero e, infelizmente, não temos visibilidade do grande público, com algumas raras exceções. Apesar disso, a música instrumental está por todas as partes: no cinema, na TV, no supermercado, no videogame, no celular. Portanto, quando a Funcaju promove projetos que fortalecem esse gênero musical, todo o meio artístico se beneficia”, ressaltou. 


A apresentação desta quinta contará com Dami Dória no violão, Danyel Nanume na bateria, João Mário no Baixo, e Rafael Ramos no teclado. Em conjunto, eles formam um ritmo musical próprio com a capacidade de encantar os mais especialistas da música instrumental. “Eu estou preparando um repertório prioritariamente autoral, com músicas do meu primeiro álbum e músicas novas que ainda estão em processo de gravação. Mas, também, teremos músicas do repertório universal, como Astor Piazzolla, Chick Corea e Gilberto Gil”, detalhou Dami. 

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Fale Conosco