18 de Novembro de 2017
POR: ASN
Fonte: ASN
Em: 17/11/2017 às 14h47

Governador leva investimentos a Indiaroba e visita Centros Profissionalizantes do Sul sergipano


Governador leva investimentos a Indiaroba e visita Centros Profissionalizantes do Sul sergipano (Foto: ASN)

Governador leva investimentos a Indiaroba e visita Centros Profissionalizantes do Sul sergipano (Foto: ASN)

Só nos Centros Profissionalizantes de Umbaúba e Indiaroba estão sendo investidos R$ 22 milhões em obras e para compra dos equipamentos de cada unidade


O governador Jackson Barreto dedicou esta sexta-feira, 17, ao Sul sergipano, com a entrega de Sistemas Simplificados de Abastecimento e um Posto da Polícia Militar de Sergipe (PMSE) em Indiaroba e visita das escolas profissionalizantes que o Estado constrói em Indiaroba e Umbaúba. Só em Indiaroba, os investimentos entregues hoje somam quase R$ 600 mil. Já em Arauá, o governador inaugurou a Unidade de Beneficiamento de Macaxeira do Grupo de Jovens Cooperativistas da Colônia Sucupira  e entregou diplomas de qualificação do curso de Gestão e Negócios para os associados.


Em Indiaroba, foram implantados quatro Sistemas Simplificados de Abastecimento Água no âmbito do Programa Água para Todos em comunidades do município. Os sistemas simplificados de abastecimento do Assentamento 05 de janeiro e do Assentamento 27 de outubro foram entregues pessoalmente pelo governador. Mas foram contemplados também os povoados Sítios Novos e Sapé Teiju, um investimento total de R$582.474,41 para os quatro povoados. O valor investido no município de Indiaroba representa 14,82% do valor total contratual do Programa Água para Todos da 1ª etapa para implantação de 40 Sistemas no Estado de Sergipe.


“Antigamente governadores não visitavam povoados, mas esse governo é diferente, porque nascemos da luta do povo. Nós estamos trazendo qualidade de vida para os assentamentos de Sergipe, que são os mais organizados do país. Participei, como intermediário, das negociações entre o antigo proprietário dessas terras, o Incra e o MST para regularizar este assentamento. Fico feliz porque dei minha contribuição para que o 5 de Janeiro acontecesse. E hoje, está aqui em todos esses povoados contribuindo para que esse povo trabalhador tenha uma vida melhor me deixa muito mais feliz”.


No Assentamento 05 de janeiro, o sistema beneficiará 128 famílias, ou seja, cerca de 700 pessoas, e correspondeu a um investimento de R$ 298.518,82. No Assentamento 27 de outubro, o beneficiará 23 famílias, ou seja, 138 pessoas, e corresponde a um investimento de R$ 135.365,31. Os sistemas foram implantados pela Cohidro.


“Essa é uma obra social, o que nos traz muita felicidade pois não existe obra mais importante do que a que realizamos para melhorar a vida do povo. O acesso à água é fundamental para qualidade de vida da população, leva dignidade e saúde para população. O governador já autorizou a perfuração de mais dois poços artesianos aqui na região, para garantir o acesso a água para mais famílias”, garantiu o presidente da Cohidro, Carlos Felizola Filho.


O sistema do 5 de Janeiro possui vazão do poço de 5.245 litros/hora, a tubulação assentada se estende 6.126 metros, com 14 chafarizes e quatro reservatórios de 10 mil litros. Além de um reservatório com capacidade para 5.000.litros de água. O sistema do 27 de outubro possui vazão do poço de 2.235 litros/hora, a tubulação assentada se estende por 2.235 metros, com dois chafarizes e um reservatório com capacidade para 10 mil litros de água. Em ambos, a água é tratada com clorador de pastilha.


“É uma obra social de grande alcance e nossa maior felicidade é ver os sorrisos dessas pessoas que não precisarão mais carregar baldes por longas distâncias ou precisar de carroças para ajudar a pegar água nos tanques ou rios da região”, defendeu o vice-governador Belivaldo Chagas.


Para as moradoras do 27 de outubro, as agricultoras Maria Beatriz Santos Dória, 68, e Hélia Cardoso, 51, o acesso à água traz facilidades para o dia a dia. “Estou muito feliz e agradeço a Deus por essa água. Antes, precisávamos pegar água no rio ou no Assentamento vizinho, mas são mais de 3 km de distâncias tínhamos que usar as carroças para ir pegar a água, era difícil”, disse Maria Beatriz.  “Agora vai facilitar o dia a dia, a limpeza da casa e até para gente beber”, completou Hélia.


O presidente da Associação Comunitária do 27 de outubro, José Lourenço, fez questão de agradecer o benefício proporcionado pelo Estado. “Agradeço muito ao governador, porque a gente sofria muito com a falta de água e vai ficar muito bom agora".


Dois outros Sistemas Simplificados de Abastecimento do Programa Águas para Todos foram implantados nos povoados Sítios Novos e Sapé Teiju, ainda em Indiaroba. O sistema do Povoado Sítios Novos beneficiará 162 pessoas de 27 famílias e correspondeu a um investimento de R$ 75.603,19.  Sua vazão é de 3.568 litros/hora – a tubulação assentada se estende por 600 metros, com dois chafarizes e dois reservatórios com capacidade para 5 mil litros de água. Já o sistema do Assentamento Sapé Teiju (Agrovila Cajá) beneficiará 25 famílias, cerca de 150 pessoas e correspondeu a um investimento de R$ 72.987,09. Sua vazão é de 910 litros/hora – a tubulação assentada se estende por 866 metros, com um chafariz e um reservatório com capacidade para 5 mil litros.


Representante do MST no município e morador do Agrovila I, que será beneficiado com o poço artesiano citado por Felizola, João Batista falou da importância da ação. “ O governador nos informou que mais 150 famílias serão contempladas no Agrovila I, com o poço que será perfurado. Estamos muito felizes e agradecidos ao governador Jackson Barreto. É um grande salto de qualidade nas vidas das famílias, principalmente das mulheres e crianças. Agradecemos por trazer qualidade de vida para nosso povo”.


O Programa Água para Todos é uma iniciativa do Ministério da Integração Nacional, executada em Sergipe em conjunto com o governo do Estado via Seagri/Cohidro, e que destina R$ 14.400.000,00 (contrapartida estadual de R$ 700.000,00) para Sergipe, contemplando 107 comunidades com sistemas de abastecimento simplificado de água. Na primeira fase serão 40 sistemas, no total R$ 5.280.000,00. Trinta sistemas já estão em funcionamento. Na segunda etapa serão 67 sistemas, no valor de R$ 9.120.000,00.


Colônia Sergipe
No povoado Colônia Sergipe, Jackson inaugurou o Posto da PM e visitou o Centro Estadual de Ensino Profissionalizante de Indiaroba, uma obra orçada em R$ 5.160.978,03. Em fase de finalização, a nova unidade de ensino da rede pública estadual está sendo instalada na Colônia Sergipe e beneficiará estudantes das 11 cidades da região Sul sergipana.


“Escolas como essa, que traz o filho do povo para se qualificar, ajuda a contribuir com a elevação do IDH do município e vai ser assim aqui em Indiaroba. A escola será voltada para fruticultura e pesca, vocações do município. Os jovens de Indiaroba e região sairão daqui com diploma técnico de nível médio, nessa região que é uma das mais produtivas de Indiaroba, que gera tantas riquezas que vem da terra e do trabalho desse povo”, declarou Jackson.


O Centro Estadual de Ensino Profissionalizante (CEEP), construído pelo governo de Sergipe, por meio das secretarias de Estado da Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano (Seinfra) e da Educação (Seed), está sendo erguido em um espaço de 15.000 m², e terá mais de 4.377 m² de área construída. A unidade capacitará os jovens estudantes da região em recursos pesqueiros, tecnologias de pesca e de beneficiamento do pescado, conhecimentos sobre manutenção de embarcações pesqueiras, enfim, oferecerá formação aos filhos dos pescadores e marisqueiros da região, formando mão de obra qualificada para a vocação econômica local.


"Essa obra se soma a um outro conjunto de iniciativas que o governo de Jackson Barreto tem tomado aqui em Indiaroba. Ele já fez a reforma e ampliação da escola Dionísio Machado, implantou o Ensino Médio Integral no Centro de Excelência Arquibaldo Mendonça, que agora está sendo ampliada, modernizada, ganhando refeitório e quadra de esportes. E, aqui vizinho, em Umbaúba, uma outra escola como essa também está sendo implantada, então o Sul sergipano vai ser muito bem servido em escolas e principalmente em ensino médio e formação de técnicos voltados para a atividade econômica da região", explicou o secretário da Seed, Jorge Carvalho.


A proposta da Política Estadual de Educação é atender à demanda do mercado local por mão de obra especializada e, por esse motivo, cada CEEP foi planejado levando-se em consideração as vocações e os arranjos econômicos de suas respectivas regiões. O Centro Estadual de Ensino Profissionalizante de Indiaroba, quando inaugurado, terá capacidade para atender 480 alunos por turno, em uma estrutura moderna e dentro do padrão de qualidade de escolas de educação profissional, elaborado pelo FNDE/MEC.


Serão 12 salas de aula, dois laboratórios de informática e quatro laboratórios técnicos, salas para suporte pedagógico, recursos didáticos, exibição de vídeos e para o grêmio estudantil, refeitório, biblioteca, além de um bloco administrativo, com sala de reuniões, de professores, de direção, secretaria, arquivo morto e almoxarifado. A unidade terá revestimento cerâmico, pavimentação em Alta Resistência, em paralelepípedo e em concreto desempolado.


Posto Policial
Muito festejado pelos moradores da Colônia Sergipe, a entrega do Posto Policial da PM no povoado atende a um antigo anseio da comunidade. Por iniciativa do governador, a Polícia Militar reabriu o posto com três policiais militares e uma viatura. Para o funcionamento, a Prefeitura reformou o imóvel e o disponibilizou a PMSE.


“É um dos melhores postos que temos e a parceria com a Prefeitura foi fundamental para trazermos essa segurança aos moradores locais”, destacou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marcone Cabral.


O posto está interligado ao sistema de comunicação e é subordinado ao 6º Batalhão, cuja sede é Estância. “Hoje o governador entrega uma delegacia, esse Posto tão sonhado, dos quais muitos duvidaram. Há quase 30 dias que essa comunidade mudou com a chegada desse investimento que devolveu o direito dos moradores da Colônia Sergipe de ficar na porta de suas casas em segurança. Parabenizo o governo e a esses policiais abnegadas, que estão fazendo nossa comunidade muito melhor. Mas, em fevereiro, o governo entregará outra grande obra, a maior escola técnica da região, aqui no povoado, porque o que emociona o governador é estar ao lado do povo, levar escola, educação, água e segurança para o povo. Hoje, o governador e o presidente da Cohidro também garantiram que mais cinco comunidades do nosso município serão contempladas com a segunda etapa do Água para Todos”, comemorou o prefeito de Indiaroba, Adinaldo do Nascimento.


O agricultor e morador do povoado, Cláudio Martins dos Santos, falou sobre benefícios trazidos pelo posto. "Hoje estamos muito felizes. Nossos filhos agora podem andar tranquilos, brincar na rua e andar de bicicleta. Hoje, com essa segurança, estamos ótimos", falou o jovem que tem três filhos.


Aos 82 anos, a senhora Anelita Alexandre Santiago mostrou-se grata à tranquilidade trazida com a chegada do Posto ao Povoado. “É a maior felicidade de todos aqui. Não tem coisa melhor do que o sossego, agora nos sentimos seguros”.


Umbaúba
Em Umbaúba, o governador visitou o Centro Estadual de Ensino Profissionalizante Ulysses Guimarães, localizado no Povoado Guararema. Nesta unidade de ensino estão sendo investidos R$ 12.050.000,00, recursos provenientes de parceria com o Governo Federal, através do Programa Brasil Profissionalizado.


“Essa escola dará um impulso a Umbaúba. É uma maravilha de escola, que homenageia Ulisses Guimarães, que foi o grande condutor do MDB, do PMDB Nacional, na luta pela redemocratização do país. Ulisses Guimarães é um nome que está na história desse país. Na história recente da democracia, do respeito aos direitos, uma pessoa humana. Ulisses foi nosso comandante chefe das forças de oposição na época da ditadura. E nada melhor do que homenageá-lo e homenagear ao povo de Umbaúba com uma obra desse porte. Aqui ofereceremos qualificação, algo a mais para os nossos jovens conquistarem um futuro melhor e ajudarem a fortalecer e desenvolver a região. As novas gerações vão ter uma escola de alto nível, de qualificação profissional, voltado para vestuário e citricultura, que são vocações da região. Estamos dialogando com o que existe de melhor para o futuro da juventude de Umbaúba. Queremos fazer e vamos fazer aqui em Umbaúba, uma rodovia na saída da cidade, na direção do município de Indiaroba, que o prefeito nos reivindicou. Queremos fazer também pavimentação asfáltica e melhorar a área urbana da cidade. Já está também neste projeto de financiamento a rodovia ligando Umbaúba a Itabaianinha. Só aqui na região, em termos de rodovia, são mais de R$ 20 milhões neste projeto que está com a Caixa Econômica Federal”, afirmou o governador.


Conforme o prefeito de Umbaúba, Humberto Costa, mais conhecido como Umberto Maravilha, as pessoas ficam impressionadas pela beleza, tamanho e funcionalidade da escola de Umbaúba. "É uma obra de grande porte. Uma das maiores do estado. Tanto a população daqui quanto ficam impressionados com essa estrutura. Foi um compromisso assumido e concretizado pelo governo do Estado e que vai beneficiar não só moradores de Umbaúba, mas toda região".


O CEEP de Umbaúba é vocacionado para o setor têxtil. A Escola oferecerá mais de 500 vagas e beneficiará a população economicamente ativa do sul e centro-sul sergipano, capacitando jovens sergipanos para o mercado de trabalho, com cursos prioritariamente voltados para a qualificação da cadeia produtiva de arranjos têxteis – cursos técnicos de moda e vestuário. O Centro Estadual de Ensino Profissionalizante Ulysses Guimarães está sendo erguido seguindo um modelo padrão de escolas de educação profissional, elaborado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, do Ministério da Educação (FNDE/MEC).


"Essa é a preocupação do Governo do Estado, instruir os jovens hoje para que eles  tenham um futuro melhor no amanhã”, reforçou Belivaldo Chagas.


Instalado em uma área de 14.800m², no povoado Guararema, o prédio escolar conta com 5.600m² de área construída. O centro profissionalizante contará com blocos administrativo e pedagógico, constituídos por dois pavimentos, que contarão com 12 salas de aula, e capacidade para 42 alunos cada; seis laboratórios para as disciplinas de química, biologia, física, matemática, línguas e informática; setor administrativo e dois laboratórios especiais. Contará ainda com uma biblioteca e um auditório com capacidade para 200 pessoas, um anfiteatro e uma quadra poliesportiva coberta com duas arquibancadas de três degraus. O bloco de serviço vai dispor de cozinha, refeitório e despensas, havendo ainda baterias de sanitários masculinos e femininos em cada pavimento e na quadra. O centro atende às normas técnicas de acessibilidade em todos os ambientes e tem estacionamento interno para 35 veículos, bicicletário e motário. A escola possui piso tátil e rampas de acesso, tanto no entorno quanto em sua parte interna, além de banheiros adaptados para pessoas com deficiência física. O Centro Profissionalizante de Umbaúba vai contar com uma rede de combate a incêndio com hidrantes, sistema de proteção contra descargas atmosféricas e sistema de irrigação para as áreas gramadas.


Segundo o secretário da Seinfra, Valmor Barbosa, nos Centros de Umbaúba e Indiaroba serão investidos R$ 22 milhões. “Na parte de construção são R$ 17 milhões, com R$ 5 milhões para equipar as duas escolas, o investimento vai chegar a R$ 22 milhões. É um grande investimento, que demonstra que o governo do Estado entende que os municípios precisam estar antenados com o que há de melhor, até para aumentar a autoestima e dar conforto aos alunos. Aproveitando, o governador determinou que eu fizesse um projeto para calçar a frente da escola até chegar a parte pavimentada em direção à cidade. É outro benefício para a comunidade. É gratificante realizar um empreendimento desses para as futuras gerações poderem estudar, criar suas famílias, melhorar suas condições de vida. Enfim, ter uma profissão”.


Arauá
O governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Mulher, Inclusão e Assistência Social, do Trabalho, dos Direitos Humanos e da Juventude (Seidh) ainda realizou a entrega de uma Unidade de Beneficiamento de Macaxeira, reformada e ampliada, com novos equipamentos adquiridos pelo Programa de Apoio ao Pequeno Produtor Rural para o Grupo de Jovens Cooperativistas da Colônia Sucupira, no município de Arauá.


O valor global do apoio foi de R$ 250.273,38, recursos aplicados na reforma e ampliação das instalações e aquisição de novos equipamentos. Jackson Barreto mostrou-se encantado com a organização e qualidade dos produtos da agroindústria da Sucupira. “Fiquei apaixonado por esse projeto e de como ele funciona em toda sua plenitude. Além da força dessas mulheres e homens do campo e qualidade de trabalho, do investimento na estrutura e equipamentos pelo governo do Estado, oferecemos capacitação aos associados, por meio da parceria da Seidh com o Sebrae, para que esse negócio prospere cada vez mais”.


De acordo com o secretário Municipal de Agropecuária e Meio Ambiente de Arauá e membro do Grupo de Jovens Cooperativistas da Colônia Sucupira, Jonat Oliveira, o modelo empreendido no seu povoado serve de exemplo para todo o país. “O senhor, governador, está inaugurando mais que paredes aqui, é um modelo de desenvolvimento para o Brasil, que oferece garantia de emprego e renda para nossos agricultores, trabalhadores da terra”.


O secretário da Seidh, José Sobral, ressaltou que o trabalho de incentivo ao homem do campo reflete em toda a cadeia econômica da região. “Esse é um recurso bem empregado, que tem responsabilidade. Ao prestigiarmos os pequenos agricultores, reconhecemos o trabalho de uma área que faz o possível para o Brasil vencer. Quando a gente observa que é daqui do campo, da terra, que sai as maiores riquezas do nosso país, entendemos que precisamos oferecer oportunidades para que esses homens e mulheres se fortaleçam cada vez mais e ajudem nossa economia a se recuperar. Isso aqui é o que a gente deseja para todo estado de Sergipe, o agricultor valorizado, a autoestima lá em cima e gerando mais desenvolvimento para o nosso estado e nosso país”.


A principal atividade do Grupo de Jovens Cooperativistas da Colônia Sucupira é beneficiamento da macaxeira com a fabricação de bolos e pães e a produção de macaxeira a vácuo. A unidade vai atender 87 beneficiários. O objetivo da ação é adequar a unidade de beneficiamento de macaxeira para, assim, ampliar sua participação no mercado.


“Esse projeto é muito importante, nós estamos trabalhando com duas pessoas na administração, dez Mulheres do Bolo, temos quatro na área de processamento, três na área de raspagem, duas pessoas colhendo a macaxeira e três fazendo a entrega e a distribuição. Com esse projeto adquirido pelo Estado, nós já conseguimos acessar nove prefeituras com comercializações e, com fé em Deus, a gente vai ampliar mais ainda e incluir mais produtos oriundos da agricultura familiar, beneficiando 160 agricultores, que é o mais importante. Esses 160 agricultores são os mais beneficiados. Nós temos quase 30 pessoas trabalhando, mas os que mais se beneficiam mesmo são os agricultores, porque eles têm uma rentabilidade, um recurso, e têm para onde escoar sua produção”, enfatizou Jonat Oliveira.


O membro da Cooperativa disse ainda que os produtos produzidos na Sucupira já começam a chegar a outros estados. “Nós já estamos com um representante de vendas tentando incluir os produtos na área da rede hoteleira, com um projeto do Sebrae. Hoje estamos vendendo para alguns supermercados no estado todo, prefeituras como Socorro, Barra dos Coqueiros, Itabaianinha e Arauá. A ideia é ampliar para a Bahia também, para vendas convencionais. Entregamos em dois supermercados, um aqui no município e um aqui na divisa de Bahia e Sergipe. O rapaz de lá vem buscar a macaxeira da gente e a ideia agora é ampliar para a rede hoteleira e depois para a rede de supermercado de lá também”, informou.


O prefeito de Arauá, Ranulfo dos Santos, elogiou a iniciativa. “O município de Arauá já está comprando dessa cooperativa, os municípios de Socorro, Itabaianinha e Tobias Barreto e o Exército também já estão comprando o que é produzido aqui. Já são cerca de 30 pessoas trabalhando aqui, e nós estamos pleiteando que esse número aumente cada vez mais, pois é o que precisamos para o desenvolvimento de todos. E como aqui é uma área boa de escoamento para a BR-101, é mais fácil o produtor trazer seu produto e daqui mesmo fazer o escoamento de tudo o que é produzido na Colônia Sucupira”, destacou o prefeito.


Programa de Apoio ao Pequeno Produtor Rural
Com o objetivo de apoiar o pequeno produtor rural na resolução de gargalos no processo produtivo e de comercialização de seus empreendimentos, o governo do Estado firmou parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES e, desde 2011 vem aportando recursos no Programa de Apoio ao Pequeno Produtor Rural. Até o momento já foram investidos R$ 6.442.089,84 e estão programados mais R$ 4.049.180,24 para 25 novas associações e complementar as ações daquelas que já iniciaram convênios. Ao final, serão 65 associações contempladas, beneficiando 3.117 famílias através dos Editais de Apoio aos Arranjos Produtivos Locais de Baixa Renda - APL's. Nessa parceria com o BNDES, o Governo do Estado assume 50% do investimento.

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Fale Conosco