19 de julho de 2019
POR: Ferreira Filho
Fonte: Ferreira Filho
Em: 19/07/2019 às 07h31

A esperança no gás



Sexta-feira, 19 de julho de 2019


A esperança no gás - Imagem: reprodução/Petrobras

A esperança no gás - Imagem: reprodução/Petrobras

A esperança no gás


A recente notícia do potencial de Sergipe para exploração do gás natural tem gerado boas expectativas para o empresariado, apesar de alguns entenderem que o governo precisa ser mais célere nas iniciativas públicas.


O governador já baixou de 18% para 12% o ICMS cobrado pelo gás natural que chegam às empresas consumidoras. A baixa na taxa do imposto era uma pauta antiga do setor industrial, o que segundo relatam, algumas empresas fecharam suas portas por conta da crise econômica, e também do alto valor do imposto cobrado em Sergipe.


Ontem, quinta-feira, 18, o governador Belivaldo Chagas assinou um Protocolo de Intenções com os prefeitos dos municípios de Barra dos Coqueiros, Airton Martins; Santo Amaro das Brotas, Dadau; Laranjeiras Paulo Hagenbegeck; e Maruim, Jefferson Santana, com o propósito de instalar o Complexo Industrial Portuário de Sergipe.


O protocolo assinado ontem, de acordo com o governo, tem o objetivo de incentivar e promover o desenvolvimento econômico e a geração de emprego e renda no estado. A disposição do governo estadual e dos municípios de instalarem o Complexo Industrial Portuário de Sergipe levou em consideração o enorme potencial que o estado tem para conseguir um crescimento efetivo nas atividades industriais em decorrência da infraestrutura já existente, da sua localização geográfica e riquezas minerais. Também foram observados os investimentos que estão em andamento na região, consolidando as cadeias produtivas existentes.


Ainda segundo o governo, outro fator preponderante para a assinatura do Protocolo de Intenções são as perspectivas concretas de grandes investimentos da Petrobras na exploração de petróleo e gás em águas profundas no litoral do estado, cujo início da produção está previsto para 2023, além da implantação pela estatal de 100 Km de gasodutos no mar e mais 28Km em terra e uma Unidade de Tratamento de Gás Natural – UPGN prevista para ser executada no município de Japaratuba/SE.


O Protocolo de Intenções assinados entre os quatro municípios levou em consideração a necessidade de oferecer um pacote de atrativos e segurança jurídica para atrair empresas, além de ter entre suas prioridades, criar na região um ambiente favorável para realização de novos negócios com alto potencial de diversificação e de harmonização do desenvolvimento e fortalecer no espaço estadual, atividades dinâmicas em termos de potencial de crescimento, inovação, geração de emprego e desenvolvimento de atividades de apoio.


Pelo protocolo, os municípios e o estado se comprometem, no âmbito das suas competências, a realizar análises e estudos, bem como tomar todas as providencias juntos aos órgãos da Administração Pública para estruturar a implantação do Complexo Industrial Portuário de Sergipe de forma técnica, econômica e ambientalmente viável e em perfeita adequação às legislações aplicáveis.


Com algumas informações extraídas da assessoria de comunicação do governo, o gás natural parece ter erguido em definitivo a esperança para alavancar a economia e o desenvolvimento  do estado. Que assim seja!



Promoção de desgaste
Os comentários que circulam sobre uma possível reforma administrativa no governo de Belivaldo no próximo mês de agosto parecem ter dois endereços bem distintos: Saúde e Turismo. Na SES, até nome do substituto de Dr. Valberto já foi divulgado, inclusive, com a citação de quem deverá indicar o novo titular da pasta. Fala-se da indicação do deputado federal Fábio Mitidieri.



Turismo técnico
O secretário de turismo Manelito Franco foi criticado pelo próprio governador quando concedia uma entrevista para uma emissora de rádio. Na ocasião, Belivaldo disse que estava em busca de um nome técnico para a pasta. Sinais concretos que haverá mudança.



Cota pessoal
O governador Belivaldo disse em alto e bom tom que a indicação do secretário da saúde seria uma escolha de sua cota pessoal, e que não permitiria qualquer indicação política para comandar a saúde de Sergipe. Se confirmada a mudança de Valberto por alguém da lavra do deputado federal Fábio Mitidieri, o que mudou?



Deputados no SPC
O vice-presidente do MDB de Sergipe, Sérgio Reis, está trabalhando intensamente para captar recursos em favor da sigla a partir dos parlamentares do partido. A cobrança das contribuições estão chegando para os parlamentares através de boleto bancário emitido pelo Banco do Brasil. Como se trata de títulos de cobrança, será que o MDB colocará os deputados que não pagarem no SPC?



Embargos negados
A juíza da 18ª Vara Cível de Aracaju, Fabiana Oliveira B. de Castro, rejeitou integralmente os embargos de declaração impetrados pelo senador da República, Alessandro Vieira (Cidadania), e pelo advogado Antônio Fernando Valeriano, que questionavam o direito de Flávio Conceição reassumir uma cadeira como membro titular do Tribunal de Contas do Estado (TCE).



A esperança no gás - Imagem: reprodução/Petrobras
Contato: ferreirappa@gmail.com/Zap: 79 9 9987 2966
Mais Colunas

 

Matérias em destaque

Click Sergipe - O mundo num só Click

Apresentação