Aracaju (SE),

HOME

Lateral 01
PONTOS TURÍSTICOS

Cânion do Xingó
Crôa do Goré
Ilha da Sogra
Lagoa Redonda
Mangue Seco
Parque dos Falcões
Praia de Caueira
Praia de Pirambu
Praia do Abaís
Praia do Saco
 
CADERNOS

Home
Agenda Cultural
Artigos
Automóveis
Baladas
Menu dos Esportes
Ciência
Clima/Tempo
Concursos
Conheça Sergipe
Cidade/Cotidiano
Cultura/Arte
Dólar
Educação
EsportesBR
EsportesSE
Estilo/Moda
Imagens de Sergipe
Indicadores
Informática
Jurídicas
Meio Ambiente
Mercado
Mundo
Mundo Artístico
Negócios
Pais
Polícia
PolíticaBR
PolíticaSE
Saúde
Tecnologia
Turismo
Últimas Notícias
Veículos
Vestibular
 
CLICK INFORMA

Cálculo Exato
Cotação do Dólar
Fuso Horário
Horóscopo
Lista Telefônica
Loterias
Olho no Dinheiro
Preço de Remédios
Resumo de Novelas
Sites + Procurados
Tirar Passaporte
Vôos Online
 
INTERATIVIDADE

Contato
Blogs e Sites
Envie Imagens
Fale Conosco
Links Úteis
Mídia de Sergipe
Opiniões e Cartas
Ver Comentários
Você Repórter
 

 



My Interno

Religião :: Sergipe é o estado com o menor percentual de evangélicos pentecostais

24/8/2011

País tem menor nível de adeptos do catolicismo desde 1872, diz estudo

Cresce proporção de brasileiros sem religião, segundo pesquisa da FGV.
Mulheres estão menos católicas do que os homens, diz mapa de religiões.

A proporção de brasileiros adeptos do catolicismo caiu ao menor nível já registrado desde 1872, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira (23) pelo Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Apesar da queda, o catolicismo ainda é a maior religião no país, seguida pela igreja evangélica e pelo espiritismo.

Os dados fazem parte de um mapa de religiões traçado pela FGV. Segundo o estudo, 68,43% da população brasileira se dizia católica em 2009, cerca de 130 milhões de pessoas, o menor percentual desde os primeiros registros realizados no país, em 1872, quando os católicos representavam 99,7% da população.

Conforme o estudo, a proporção de católicos vinha se mantendo constante no início dos anos 2000, mas houve queda de 7,3% dos adeptos ao catolicismo entre 2003 e 2009. A pesquisa reuniu microdados de pesquisas do IBGE com cerca de 200 mil entrevistados na década passada.

Uma das razões apontadas para a queda é o crescimento na proporção dos evangélicos no mesmo período (de 17,9% para 20,3% da população). Além disso, o grupo de pessoas que dizem não pertencer a nenhuma religião subiu, de 5,13% para 6,7% da população. No início da década, o índice dos “sem religião” havia caído, de 7,4% para 5,1%.

Veja a seguir a distribuição das principais religiões no país, segundo a pesquisa:


Ainda segundo a pesquisa, as mulheres continuam mais religiosas do que os homens, mas a proporção se inverteu no período analisado com relação ao catolicismo. Enquanto 71,6% se dizem católicas, 75,4% dos homens expressam pertencer a essa religião. Setenta anos antes, eram 96% e 95%, respectivamente.

Nos estados
O Piauí é o estado com maior número de católicos (87,93%), seguido pelo Ceará (81%) e Paraíba (80,25%). Os menos católicos são o Acre (50,73%), Rio de Janeiro (49,83%) e Roraima (46,78%). Roraima é também o estado com maior proporção de sem religião (19,39%), seguido do Rio de Janeiro (15,95%).

Ainda conforme o estudo, a periferia do Rio de Janeiro é a menos católica e menos religiosa de todas as metrópoles brasileiras. No outro extremo está a periferia de Porto Alegre e de Fortaleza, respectivamente, a mais religiosa e a mais católica.

Entre os evangélicos pentecostais, o Acre é o que contabiliza a maior proporção de adeptos (24,18%). Nas demais denominações evangélicas, o líder é o Espírito Santo (15,09%). O Sergipe é o estado com o menor percentual de evangélicos pentecostais (4,75%).

O Rio lidera em religiões espíritas (3,37%) e afro-brasileiras (1,61%), seguido, nos dois casos, pelo Rio Grande do Sul (2,34% de espiritualistas e 0,94% de afro-brasileiras). Já nas religiões orientais ou asiáticas, São Paulo possui o maior nível de adeptos (0,78%), seguido pelo RJ (0,69%) e Distrito Federal (0,52%).

Renda
Com relação à renda, a grande parte dos sem religião está concentrada na classe E (7,72% deles não possuem religião), seguida pela classe A/B, com 6,91%. O mesmo acontece no catolicismo, que se concentra principalmente entre essas classes.

Evangélicos pentecostais são 14,98% da classe D. Já as igrejas evangélicas mais tradicionais estão mais concentradas na classe AB (8,35%) e C (8,72%). Outras religiões também estão mais concentradas na classe A/B.

Do G1, em São Paulo









comentar  -  imprimir  -  enviar a um amigo - voltar

Cadastre seu email e receba notícias do ClickSergipe

Nome:
E-mail:


Comentários

Mais Notícias:

23/4/2014 - Aprovação de projeto de lei institui o Dia Estadual de Irmã Dulce na Bahia

23/4/2014 - Ariano Suassuna é fotografado deitado no chão do aeroporto de Brasília

23/4/2014 - Grupo pede conclusão do julgamento sobre doação de empresas a políticos

23/4/2014 - Brasil sedia evento para discutir quem "manda" na internet

23/4/2014 - "Não há sobreviventes", diz amiga de piloto do avião encontrado no Pará

Lateral 02
















   Vende-se Sítio
Em N. Sra. das Dores
 



Márcio França

 

 


Untitled Document

O MUNDO NUM SÓ CLICK

CADERNOS
CLICK SERGIPE INFORMA
INTERATIVIDADE
PONTOS TURISTICOS

HOME